-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

19 abril 2016

Senadores cearenses já articulam votação



O pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff chegou ao Senado Federal na tarde de ontem. É na Casa que será decidido se o processo de afastamento da Presidente será, realmente, aberto e, mais importante, se ela perderá mandato presidencial conquistado em 2014. A matéria deve ser lida hoje. Do Ceará, saíram três votos ao processo de impedimento da Presidente.
Para o senador José Pimentel , o Governo continuará “lutando pela preservação das conquistas sociais alcançadas nos últimos anos e pela manutenção do emprego e da renda das trabalhadoras e trabalhadores”. Em nota à imprensa, o líder do Governo disse “vamos nos manter unidos, no Congresso e nas ruas, para vencer os golpistas. Lutaremos até o fim para defender a democracia”. José Pimentel avalia que o pedido de impeachment não respeita as exigências legais.
“Manteremos vigília permanente contra esta e contra todas as tentativas de instabilidade institucional patrocinadas por setores inconformados com a derrota nas eleições de 2014. Michel Temer e Eduardo Cunha não contam com apoio popular nem têm condições morais para presidir o Brasil, afirma a nota.
A equipe do jornal O Estado tentou contato com o senador Eunício Oliveira (PMDB). Por sua assessoria, fomos informados que o senador tem participado de inúmeras reunião para discutir o rito do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff, na Casa. Publicamente, Eunício ainda não comentou sobre seu voto.Nos bastidores, comenta-se que caberá a ele designar o nome do relator do processo no Senado. O peemedebista, inclusive, já recusou o trabalho.
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial