-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

29 junho 2017

Grupo de Domingos perde o PMB no Ceará. Sigla será aliada de Camilo Santana


Resultado de imagem para Imagens do presidente do TCM Domingos FilhoO grupo do presidente do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), Domingos Filho, perdeu para o Governador Camilo Santana (PT) o controle do PMB (Partido da Mulher Brasileira) no Ceará. Uma reportagem deste site revelou, nessa terça-feira, que a direção nacional do PMB não renovou a Comissão Provisória regional da agremiação. O partido tem como presidente a ex-prefeita de Tauá, Patrícia Aguiar, esposa de Domingos. O deputado federal Domingos Neto, presidente do PSD e herdeiro político do presidente do TCM, admitiu, no final da manhã desta quarta-feira, em Brasília, que houve desentendimento com os dirigentes nacionais do PMB e que o grupo que comanda a atual Comissão Provisória do PMB decidiu ”entregar” o partido.

A reportagem do cearaagora apurou que, no último final de semana, avançaram as articulações para o PMB integrar a base de apoio ao Governo do Estado.  A presidente nacional do partido,Suêd Haidar, esteve no Ceará, se reuniu com o governador Camilo Santana e teria decidido mudar o comando regional do PMB, impondo, porém, uma condição: que os novos dirigentes garantissem a presença de um deputado federal para representar a legenda em Brasília. Camilo teria aceito a proposta.
Um dos pontos de descontentamento do comando nacional com o grupo que recebe orientação política do presidente do TCM teria sido a decisão do deputado federal Domingos Neto, que, em 2015, assumiu a direção regional da legenda, ter usado o partido como janela para desembarcar no PSD. Uma reportagem deste site, veiculada na manhã desta terça-feira, registrou que o grupo ligado a Domingos Filho ainda não entregara os pontos sobre os rumos do PMB. Ao final da manhã, porém, o deputado Domingos Neto já dava como final a história dos seus aliados com o PMB.
A assessoria de imprensa da sigla no Ceará, por meio de uma mensagem encaminhada ao Jornalista Beto Almeida, comentarista de política do Jornal Alerta Geral (FM 104.3 – Grande Fortaleza + 22 emissoras no Interior do Estado), chegou a dizer  que a Comissão Provisória do PMB não foi renovada, a exemplo do que teria acontecido com os demais estados, à exceção do Rio de Janeiro. A informação estava incompleta e a realidade dos bastidores políticos revelaram outro caminho para o PMB.
O Ceará Agora apurou, ainda, que a Executiva Nacional do PMB decidiu não apenas recusar o apelo dos atuais dirigentes regionais para renovação da Comissão Provisória do partido, como deixou, também, o prazo de validade da Comissão Provisória caducar. Ou seja, perder a validade. Hoje, com essa situação, o PMB no Ceará não tem direção oficializada e os seus atos podem ser nulos. Um dos desses atos foi assinado pela ex-prefeita de Tauá, Patrícia Aguiar, e encaminhado à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa com o comunicado sobre a saída do PMB do bloco parlamentar de oposição, integrado, ainda, pelo PSD e pelo PMDB.
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial