-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

22 janeiro 2018

Deputado Moisés Braz (PT), participa do Lançamento do Hora de Plantar e Garantia Safra



A imagem pode conter: 10 pessoas, pessoas sorrindo, atividades ao ar livre

Exercer o trabalho e garantir o próprio sustento, mesmo no período de estiagem, é o desejo de agricultores familiares de todo o Ceará, que não esconderam os sorrisos na manhã desta quinta-feira (18/1) ao receber toneladas de sementes e mudas. O governador Camilo Santana (PT) lançou oficialmente, em Morada Nova, a 31ª edição do programa Hora de Plantar, com investimento de mais de R$ 17 milhões, beneficiando cerca de 150 mil trabalhadores em 182 municípios, ficando de fora apenas Fortaleza e Eusébio, que não dispõem de zona rural. Na ocasião, também foram assinados os termos de adesão do Garantia-Safra 2017-2018.
.
“Este é um momento de distribuição de renda e de cidadania. O Hora de Plantar garante aos trabalhadores e trabalhadores que na hora de cair chuva no chão as sementes estarão lá para o plantio. Mais que isso, o programa garante dignidade”, destacou o deputado estadual Moisés Braz (PT) ao reconhecer o trabalho do governador Camilo Santana voltado para a agricultura familiar cearense. “Nós reconhecemos a importância do seu governo e do seu compromisso com o homem e a mulher do campo. Minha palavra é de agradecimento e apoio a esse governador do povo cearense”.
.
O presidente da Fetraece Raimundo Martins comparou os investimentos na agricultura familiar a nível nacional e estadual. “É importante que a gente perceba que enquanto no Brasil nós vivemos uma desestruturação da agricultura familiar, que teve início com a extinção do MDA e hoje temos um dos menores orçamentos dos últimos 15 anos, aqui no Ceará com programas como o Hora de Plantar e o Garantia Safra temos investimento na ordem de mais de R$ 15 milhões. Isso sem dúvidas nenhuma é uma demonstração de compromisso com o desenvolvimento do campo”, pontuou.
.
Nesta edição do Hora de Plantar, serão entregues 3.030 toneladas de sementes, 6,5 milhões de raquetes de palma forrageira, 400 mil mudas de cajueiro anão precoce, 170 mil mudas de essências florestais nativas, exóticas e nativas e 5 mil m3 de maniva de mandioca. Um dos destaques de 2018 é a distribuição de mudas frutíferas (acerola, cajá, umbu cajá, goiaba e manga). @ Morada Nova
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial