-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

02 maio 2019

Ceará desperdiça pênalti, perde para o Cruzeiro e conhece 1ª derrota no Brasileirão




Ceará teve chance de abrir o placar no 1° tempo, mas Ricardo Bueno (em destaque) desperdiçou cobrança de pênalti. (Foto: Israel Simonton/cearasc.com)

Depois do encanto de terminar a 1ª rodada na liderança, o Ceará conheceu a primeira rodada no Brasileirão saindo de campo tendo muito o que lamentar. Após desperdiçar um pênalti no começo do jogo e colocar uma bola na trave nos minutos finais, o Alvinegro acabou derrotado por 1 a 0 para o Cruzeiro na noite desta quarta-feira, 1°, no estádio Mineirão, em Belo Horizonte. Com o resultado, o Vovô soma 3 pontos em dois jogos na Série A.

Quem imaginava um Ceará jogando na retranca se surpreendeu com a postura do time no começo do jogo. O Alvinegro ditou o ritmo da partida, controlando a posse de bola no campo cruzeirense. De um chute forte de Carleto de fora da área, o Vovô conseguiu um pênalti aos 15 minutos. O árbitro, após consultar diretamente as imagens do VAR, viu a bola tocar no cotovelo de Lucas Romero na área. Na cobrança da penalidade, o chute de Ricardo Bueno foi defendido por Fábio, que manteve o placar zerado naquele momento.Após o pênalti desperdiçado, o Ceará viu o Cruzeiro crescer na partida. O time mineiro começou a assustar em jogadas rápidas que buscavam os dois atacantes de área do time, Fred e David, mas foi dos pés do lateral-direito Edílson a melhor chance da equipe nos primeiros 45 minutos de jogo, em chute cruzado que bateu na trave.


Na volta para o 2° tempo, o Cruzeiro assumiu o controle do jogo desde o início e não demorou para abrir o placar. Após tabelinha na área alvinegra, Robinho bateu cruzado. Diogo Silva fez grande defesa, mas Thiago Neves ficou com o rebote e mandou para as redes: 1 a 0 Cruzeiro. O gol forçou o Ceará a sair mais para o jogo. Com as entradas de Fernando Sobral e Roger, o Vovô renovou a linha ofensiva e explorou o jogo aéreo nos minutos finais.

O time chegou pedir pênalti em lance que Roger alegou ter sido empurrado na área. O árbitro chegou a ouvir informações através do VAR, mas nada marcou. Na sequência, o Alvinegro criou sua melhor chance na etapa final, de novo pelo alto. Após cobrança de escanteio, Roger cabeceou no canto. A bola bateu na trave. Bergson ficou com o rebote na área e finalizou. Fábio se esticou para defesa, em dois tempos, garantindo os três pontos para os cruzeirenses.

No fim de semana, o Ceará tem mais um time mineiro pela frente. Dessa vez, o Atlético-MG, em jogo marcado para o sábado, 4, as 21h, na Arena Castelão.

O POVO
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial