-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

04 novembro 2019

Aplicador de prova foi responsável por vazamento de tema da redação do Enem




Nesse domingo, 3, fotos da prova do Enem 2019 circularam em redes socais pelo menos 30 minutos antes de os candidatos poderem ir embora. (Foto: Reprodução)

O vazamento sobre o tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), após o início da aplicação, não gerou impactos negativos. É o que garante o ministro da Educação, Abraham Weintraub, durante coletiva de imprensa na noite deste domingo, 3. Conforme ele, um aplicador da prova foi responsável pela divulgação da foto que mostrava o tema, dentre outras informações. Dos mais de cinco milhões de candidatos do Enem, apenas 373 registraram problemas na execução das provas.

“Vamos tentar escangalhar ao máximo a vida dele. Acho que as punições no Brasil são leves. Vamos atrás de tudo que pudermos para essa pessoa pagar pela falsidade e traição. Tudo para que ele se arrependa de um dia ter vindo ao mundo”, afirmou o ministro. Conforme ele, a Polícia Federal divulgará o nome do aplicador nos próximos dias. Ele teria tirado fotos das provas de alunos faltosos. O Ministério da Educação localizou os cadernos de questões a partir do código de barras. “Para a pessoa ter acesso a três alunos que faltaram, só poderia ser um aplicador”, ressaltou



Em vídeo no Twitter, Abraham chegou a afirmar que o vazamento havia ocorrido em Pernambuco. “Num primeiro momento eu queria mostrar que tínhamos controle da situação”, justificou. O ministro afirmou ainda que a prova refletiu o que objetiva o atual governo do presidente Jair Bolsonaro: custo baixo por aluno, eficiência e responsabilidade.

Sobre os temas que fizeram parte da prova, que incluíram violência contra a mulher e democratização do acesso ao cinema no Brasil (tema da redação), Weintraub diz que “não teve nada polêmico, como deveria ser. Sem doutrinação, sem forçação de barra. Uma coisa que respeite os indivíduos, as pessoas e as famílias”. O resultado do Enem só deverá ser divulgado em janeiro e os gabaritos das provas serão disponibilizados no dia 13 de novembro, três dias após aplicação da segunda prova.

O POVO 
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial