-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

25 julho 2020

Briga de Leões; Fortaleza encarra o Sport pelas quartas de final da Copa do Nordeste





Osvaldo é um dos principais jogadores do Fortaleza

Em duelo de Leões, Fortaleza e Sport-PE vão se digladiar pela vaga na semifinal da Copa do Nordeste no campo do Estádio Barradão, em Salvador, neste sábado, às 16 horas. O Leão do Pici vive boa fase, não sabe o que é derrota desde o retorno do futebol, após o hiato devido a pandemia de Covid-19. O Leão da Ilha já foi eliminado da Copa do Brasil 2020 e do estadual e briga contra o rebaixamento, mas que detém a tradição, já levantou a taça da Copa do Nordeste em três ocasiões e vê no torneio a chance de ser campeão em 2020.



Defendendo o título, como atual campeão do Nordeste, o Leão do Pici vem embalado e têm na bagagem melhores números na temporada, frente ao adversário. As duas equipes fizeram em 2020 18 jogos. Enquanto o Tricolor tem 75,9% de aproveitamento (com 13 vitórias, 2 empates e três derrotas); o Rubro-Negro tem aproveitamento de 38,8% (com 4 vitórias, 9 empates e 5 derrotas). No quesito ataque, o Leão da Ilha também fica para trás: enquanto os atacantes do Fortaleza já marcaram 36 gols este ano, os dos Sport fizeram quase metade disso, 19 tentos.


A defesa tricolor, que em outros tempos chegou a ser questionada, encaixou. Este ano, só foi vazada 11 vezes e na Copa do Nordeste o Fortaleza, junto ao Bahia e ao Vitória, foi o time com menos gols sofridos - cinco tentos. Tendo como um dos pontos fortes a linha de marcação adiantada, pressionando a saída de bola do adversário, o Sport levou 18 gols em 2020, metade deles na competição regional.

Ainda assim, o goleiro tricolor Felipe Alves ressalta que em mata-mata de partida única, a pretensa má fase do oponente tem peso menor. "Não existe mau momento em quartas de final. Tem aquele ditado: 'Clássico é clássico', e todo mundo sabe que (pra) jogar quartas de final tem que estar focado em passar e buscar o título", analisou o goleiro.
Leão do Pici

Ao Fortaleza cabe a missão de, em 90 minutos, demonstrar por trás dos bons números, tem uma equipe bem alinhada aos quesitos técnicos trabalhados por Rogério Ceni. Para isso, o treinador, que promove um rodízio entre os jogadores titulares, poderá manter a base do time que entrou contra o América-RN e promover algumas mudanças.

Leia também | "Não existe mau momento em quartas de final", diz Felipe Alves sobre "favoritismo" contra o Sport

Uma das principais é na lateral direita. Sem Tinga, lesionado com edema no músculo adutor da coxa esquerda, Ceni lançou Derley improvisado no setor - o que teve de ser mudado no segundo tempo e, só aí, vieram os gols. Desta vez, Gabriel Dias deve ser o escolhido para a posição.

No ataque, Osvaldo, que entrou na segunda etapa no lugar de Yuri César, deve iniciar a partida. O atacante voltou de lesão com o futebol em alto nível e tem sido decisivo. Mesmo sem marcar nas duas partidas que atuou, desde a recuperação, teve participação em gol de Orobó (no 1 a 0 contra o Guarany de Sobral); e, contra o América-RN, deu assistência para o segundo gol de Wellington Paulista e foi nele o pênalti marcado para o Leão e convertido por Ederson. David, que também só entrou o intervalo na última partida, poderá constar entre os titulares no lugar de Marlon.
Leão da Ilha

Pelo lado rubro-negro, o técnico Daniel Paulista deve manter a equipe que conquistou a classificação com o empate sobre o Confiança. O time conta com quatro desfalques: o zagueiro Rafael Thyere, o volante João Igor, e os laterais esquerdos Sander e Luciano Juba.

Sander, que era capitão do time está lesionado, e Juba, que já não jogou contra o time sergipano, testou novamente positivo para Covid-19. Para posição, o técnico deve, mais uma vez, improvisar com Raul Prata. Na volância e no ataque, o Daniel Paulista tanto pode manter Ronaldo Henrique e Rafael Luiz, quanto colocar Betinho e Marquinhos, que entraram no jogo contra o Azulino e fizeram boas apresentações - foi de Marquinhos o gol do empate em 1 a 1.
Possíveis escalações

Fortaleza
4-2-4
Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Paulão, Bruno Melo; Juninho, Felipe; David, Romarinho, Wellington Paulista e Osvaldo. Téc.: Rogério Ceni

Sport-PE
4-3-3
Maílson; Patric, Maidana, Adryelson, Raul Prata; Ronaldo Henrique (Betinho), Willian Farias, Jonatan Gomez; Rafael Luiz (Marquinhos), Leandro Barcia, Hernane. Téc.: Daniel Paulista
Ficha técnica

Data: sábado, 25 de julho
Horário: 16 horas (de Brasília)
Local: Estádio Manoel Barradas (Barradão), em Salvador, Bahia, com portões fechado ao público devido a pandemia de Covid-19
Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)
Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira (BA) e Jucimar dos Santos Dias (BA)
Transmissão: SBT (TV Jangadeiro), LiveFC, YouTube da Copa do Nordeste,

O POVO 
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial