-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

03 novembro 2020

Wesley foi dispensado por ameaçar matar jogador do Ferroviário, explica técnico






Legenda: Marcelo Vilar revelou o motivo da saída de cinco atletas do elenco do Ferroviário
Foto: divulgação / Ferroviário



O técnico Marcelo Vilar explicou as saídas do Ferroviário de Tiago Costa, Wesley, Siloé, Magno e Olávio. O grupo foi dispensado nas vésperas da partida contra o Treze, em nova derrota coral neste domingo (1º) pela Série C do Campeonato Brasileiro. O comandante alegou que a situação 'estava insustentável', inclusive com uma ameaça de morte dentro do elenco.

"Foram situações diferentes. O Olávio pediu para sair, problemas particulares, tinha de voltar para a cidade dele. O Wesley, aconteceu um problema sério dele com outro jogador e ele ameaçou o atleta de morte, não podia continuar com uma situação dessa no elenco. Foi um garoto que eu pedi a contratação, dei todo o apoio, nós sabíamos dos problemas que tinha e a partir do momento que aconteceu fica difícil mediante qualquer diretoria, dentro de um elenco de 35 jogadores, um que ameaça", afirmou.



Legenda: Wesley era titular do Ferroviário sob comando de Marcelo Vilar
Foto: Lenílson Santos / Ferroviário



Sobre os demais da lista, Vilar ressaltou que o motivo foi o relacionamento com o plantel pois o trio estava "o tempo todo com insatisfação". Apesar do revés por 1 a 0 no estádio Domingão, em Horizonte, neste domingo (1º), o técnico acredita que o time poderia ter conseguido a vitória pelo desempenho em campo.

"Uma derrota doída para nós porque não fizemos uma partida brilhante, mas a minha análise é de que jogamos o suficiente para ganhar fácil o jogo. O adversário teve uma finalização e acabou vencendo. A gente procura uma explicação e vai ver que nós fomos incompetentes em não fazer os gols no Treze e sair com a vitória", decisão

O resultado foi a 5ª derrota nos últimos sete jogos, restando cinco rodadas para o fim da 1ª Fase da Série C. Na tabela, o Tubarão da Barra estacionou nos 17 pontos, deixando o G-4 pela 1ª vez após 13 partidas.

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial