-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

05 setembro 2021

Ex. secretário de Santa Quitéria, atual presidente da Feira do Aprazível é alvo de protestos por parte dos feirantes





Tensão e revolta marcaram um movimento feito por dezenas de feirantes instalados na Feira do Aprazível, no distrito de mesmo nome, município de Sobral, na manhã desta sexta-feira (03). O alvo dos protestos era o presidente da Associação dos Feirantes, o quiteriense Carlos Alexandre Jerônimo de Matos, que já foi secretário de governo na gestão Braguinha e atualmente é o ouvidor municipal de Santa Quitéria.



O motivo é a alteração da data e hora de funcionamento da feira, que antes era às sextas-feiras de 05:00 às 10:00 e por decisão da diretoria, foi antecipado para as quintas às 19:00, o que acabou desagradando parte dos trabalhadores. Os mesmos alegam que não foram ouvidos para esta mudança e que isto, além de provocar choque de horário com o Shopping Chão em Ipu, deve enfraquecer ainda mais as vendas.


Em determinado momento, os ânimos se exaltaram no local e manifestantes subiram em cima de um ônibus para rasgar um outdoor na entrada da feira, sendo necessária a intervenção de policiais militares e seguranças para controlar o tumulto.





Aos gritos de "fora Alexandre", os feirantes reclamam que o presidente e sua diretoria negam o direito de patrimônio e que não ouvem a coletividade. "Essa feira é patrimônio do feirante, quando ele vai fazer uma coisa não consulta, não presta conta, ele acha que é dele e essa feira não é dele, é do feirante", destacou Cristina.

A Voz de Santa Quitéria 
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial