-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

15 fevereiro 2019

Mais de 3 mil pessoas são monitoradas com tornozeleira no Ceará









Pessoas são monitoradas com tornozeleira eletrônica no Ceará (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

O uso de tornozeleira eletrônica pode ser uma das alternativas para diminuir a superlotação do sistema carcerário cearense que já ultrapassa os 100% da capacidade. É o que diz o Conselho Penitenciário do Estado.

A capacidade nas grandes penitenciárias do Ceará é de 9.736 detentos. No ano passado, o número de presos excedia em 65%. Em janeiro de 2019, o excedente chega a 109,6%, com 10.671 presos a mais nessas unidades.


Tanto os “tornozelados” quanto os presos liberados nas audiências de custódia são acompanhados pela Central de Alternativas Penais. Segundo a presidente do Copen, das 9.858 pessoas monitoradas pela Central desde 2015, 1.221 voltaram a entrar no sistema prisional,o que representa 12,4%.
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial