-- ANUNCIE AQUI ! ---------------------------------------------------------------------------

16 março 2020

Ceará vence o Sport por 2 X 1 na Copa do Nordeste




Portões fechados não impediram o jogo de ser emocionante (Foto: Fábio Lima)

O Ceará alcançou a sua quarta vitória seguida na temporada, em jogo de portões fechados na Copa do Nordeste. Com um a menos, bateu o Sport por 2 a 1, gols de Felipe Silva e Ricardinho. Marquinhos fez o do Sport. Com a vitória, o Ceará chegou aos 11 pontos e entrou no G4 do Grupo B, faltando uma rodada para término da fase de grupos — que está com futuro indefinido com a suspensão das competições da CBF.

O jogo foi frenético, com dois pênaltis perdidos, bolas na trave e grandes defesas. Porém, começou de maneira lenta. O Ceará até começou o jogo buscando controlar as ações, mas viu, aos poucos, o Sport equilibrar a partida. Finalizações, porém, demoraram a acontecer. O jogo era corrido, mas faltava criatividade para ambos os times. Foi apenas aos 23 minutos a primeira finalização do jogo — extremamente perigosa, no entanto. Luiz Otávio fez grande jogada e ficou de frente para o gol. Chutou forte e acertou a trave, após o goleiro Luan desviar. Aos 30 minutos, Fernando Sobral aproveitou rebote e mandou de primeira, da intermediária. Mandou longe, porém.

Foi longo quando chegou pela primeira vez que o Sport marcou. Aos 36, Marquinhos fez linda jogada, trazendo por dentro e driblando dois. Ele arriscou no cantinho e Prass, com muita gente à frente, não conseguiu alcançar. Foi um dos últimos lances do meia no jogo, que deixou o estádio de ambulância, após uma pancada no peito que o deixou com dificuldades respiratórias. Um minuto após o gol, o Sport já aparecia cara a cara com o goleiro. Rithely, no entanto, preferiu tocar de lado, em vez de chutar, e o Sport não aproveitou. Na continuidade do lance, o próprio Rithely chutou fraco em cima de Prass.

O gol pareceu animar o jogo. Aos 38, Carvalho recebeu de Felipe Silva e chutou na rede pelo lado de fora. Aos 42, nova boa chance. Samuel Xavier arriscou do bico da área e Luan fez boa defesa. Ninguém aproveitou o rebote, porém. Aos 48, Sóbis recebeu de costas na área, girou rápido e bateu. A bola desviou na zaga e foi por cima do gol. No último lance do primeiro tempo, Felipe Silva aproveitou da entrada da área cruzamento que Luan havia cortado. Mandou por cima, porém.

O segundo tempo ganharia em emoção. O jogo voltou do intervalo com o Ceará tentando ser mais ofensivo. Enderson Moreira trocou Sobral por Matheus Gonçalves. E logo aos 13 o Vovô conseguiu o empate. Leandro Carvalho fez grande jogada e tocou para trás. Felipe Silva só rolou para o gol. O Ceará seguiu em cima e poderia virar logo aos 16. Carvalho conseguiu chegar antes de Luan e foi tocado. O árbitro marcou o pênalti. Felipe Silva foi para bola, vagarosamente, com semi-paradinha, mas não conseguiu deslocar o goleiro: Luan defendeu. Fabinho quase conseguiu minimizar o prejuízo no lance seguinte. Ele aproveitou a bola que sobrou no escaneio e chutou, perigosamente, à esquerda.

Aos 21, foi a vez do Sport perder pênalti. Hernane havia saído cara a cara com goleiro, tocou por cima do gol e recebeu o contato de Luiz Otávio em seguida. O juiz viu pênalti. O próprio Brocador bateu, mas mandou no travessão.

O jogo diminui de ritmo em seguida, apenas para voltar, mais adiante, ao ritmo frenético. Aos 35, Prass com o pé, impediu o gol de cabeça de Élton, em grande defesa. Já em seguida, após boa trama do ataque do Ceará, Ricardinho ficou de frente para o gol e mandou, de chapa, na trave. Aos 37, Sóbis foi expulso, após o árbitro alegar que foi xingado por ele. Não deu tempo do Ceará sentir falta: aos 38, novo pênalti para Vovô. Carvalho recebeu carga nas costas e caiu. Ricardinho desta vez foi para a bola e não perdeu: mandou no canto esquerdo, deslocando Luan.

Com um a mais, o Sport não conseguiu pressionar, porém. Sua melhor chance de empate foi aos 46, quando Bruninho arriscou de longe e mandou para fora. Não adiantaria: jogo ficaria mesmo no 2 a 1 para o Vovô, que segue invicto na temporada.


CEARÁ X SPORT
Ceará: Fernando Prass, Samuel Xavier, Eduardo Brock, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho, Ricardinho, Fernando Sobral (Matheus Gonçalves), Felipe Silva (Wescley) e Leandro Carvalho (Cristiano); Rafael Sóbis. T: Enderson Moreira


Sport: Luan Polli, Rafael, Cleberson, Adryelson e Sander; Willian Farias, Rithely (Bruninho), Marquinho, Lucas Mugni e Maxwell; Hernane (Elton). T: Daniel Paulista


Data: 15/03/2020
Gols: Marquinhos (36/1ºT), Felipe Silva (13/2ºT) e Ricardinho (40/2ºT)
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (PB)
Assistentes: Kildenn Tadeu Morais de Lucena (PB) e Ruan Neres Souza (PB)
Cartões amarelos: Samuel Xavier, Fabinho, Luiz Otávio e Wescley (CEA); Cleberson, Rithely (SPO)
Cartão vermelho: Rafael Sóbis (CEA).
Público: Portões Fechados

 O POVO Online 
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial